Como hospedar um site feito em WordPress

Saber como hospedar um site feito em WordPress é muito importante, pois é uma das plataformas de gerenciamento de conteúdo mais utilizadas e populares da atualidade.

Todos os seus atributos fazem dela uma das mais competitivas do mercado. Quem possui um empreendimento sabe que um fator determinante para o sucesso é ter uma presença digital marcante.

É fundamental ter ao menos uma página nas mídias sociais, mas sabe-se que isso não é o suficiente.

Torna-se de suma relevância criar um site. E esse site pode muito bem ser feito em WordPress. Por que? Bem, é o que explicaremos nesse artigo.

Por que usar WordPress?

Hospedagem de site em WordPress

O WordPress é uma ferramenta incrível e potente quando o assunto é a criação de sites e a respectiva manutenção dos mesmos.

Quando se pensa em construção de sites, sabe-se que isso envolve uma série de etapas e um trabalho consideravelmente árduo.

Contudo, o WordPress é um CMS que foi criado na intenção de facilitar todo esse processo.

O WordPress é considerado nos dias atuais como a melhor e também mais popular plataforma de posts de todo o universo de construção de sites.

A razão por trás disso é o dinamismo e o fato de que mesmo pessoas que não possuem conhecimentos de programação consigam usá-la.

As vantagens e benefícios do WordPress são inúmeros, incluindo:

  • atualizações com melhorias frequentes;
  • acervo gigante de plugins para todos os problemas;
  • grande quantidade de temas;
  • acessível a todos;
  • entre outros benefícios.

Vantagens de usar

Uma das maiores vantagens de se usar o WordPress é a simplicidade de sua interface.

Aliás, esse é um dos motivos do sucesso da plataforma. Ela é bastante intuitiva e facílima para aprender como usar.

Com uma breve experimentação no painel/página e um pouco de pesquisa no Google, qualquer um consegue publicar conteúdos e instalar plugins.

Outra vantagem formidável do WordPress é a variedade gigantesca de temas, plugins e widgets.

Esses itens acrescentam ainda mais o funcionamento e uso da plataforma, aprimorando ainda mais a experiência do usuário.

Os plugins adicionam ainda mais funcionalidades ao sistema, dispensando a necessidade de contratar um programador.

Os widgets, por outro lado, também ajudam bastante no momento de colocar-se mais alguns pequenos recursos no site em questão, deixando-o mais completo. O WordPress já conta com alguns widgets nativos, mas é plenamente possível acrescentar mais.

E se você não sabe como hospedar um site WordPress, fique tranquilo, pois existe uma comunidade de desenvolvedores em WordPress que apresenta um contingente bastante expressivo. Isso viabiliza ainda mais o processo de evolução.

Tudo que envolve o WordPress permanece em um estado contínuo de desenvolvimento, o que possibilita o aprimoramento e atualização do site.

Um ponto bem bacana dessa plataforma é o recurso de criação de níveis diferentes de usuários, cada com permissões distintas. Isso pode ser bastante útil em sites que contam com uma equipe mais extensa efetuando publicações e gerenciando a página.

Vale a pena dizer igualmente que essa plataforma é dotada de uma estrutura que facilita a organização do conteúdo de forma a tornar o site muito mais amigável e otimizado para SEO.

Flexibilidade

Um dos maiores trunfos de ter um site feito em WordPress é devido a flexibilidade que ele possui.

Ele é flexível em todos os sentidos possíveis e imagináveis, permitindo que o usuário personalize a plataforma do modo como deseja e precisa, elevando a sua experiência a níveis estratosfericamente altos.

Devido a essa versatilidade, a permanência do usuário em sua página é estendida e garantida, uma vez que é possível implementar funcionalidades, customizando e otimizando tudo o que o usuário venha a fazer no seu site.

É possível somar itens, tirá-los, modifica-los, aprimorá-los, enfim, as possibilidades são infinitas e distintas entre si.

Multilíngue

Tecnicamente falando, O WordPress não é uma plataforma multilíngue.

Isso quer dizer que é necessário adicionar a funcionalidade multilíngue por meio de um plugin de tradução, construindo uma instalação do WordPress Multisite, utilizando um tema com um sistema multilíngue acoplado ou então se valendo de um proxy de tradução.

Se você der uma observada do Diretório de Plugins da plataforma, conseguirá encontrar uma lista considerável de plugins multilíngues, com opções bastante diversificadas.

Tudo dependerá de uma série imensa de fatores e das necessidades de cada perfil de negócio.

Simples de instalar temas

Os temas constituem parte da estrutura do layout e esse layout do site no WordPress não exige do respectivo usuário que ele possua conhecimentos mais amplos e profundos de design ou qualquer outra coisa do gênero.

Basta somente ter um bom gosto.

Isso porque o contingente de temas disponíveis permite a criação de uma identidade visual de modo simples e rápido.

Tudo o que você precisa é escolher um tema entre os vários que estão ali disponíveis, aquele que você acredita que é perfeito para o seu empreendimento.

Depois disso, você necessitará efetuar o download do tema para, em seguida, subir o respectivo arquivo no WordPress e realizar a ativação. É bem tranquilo de fazer.

Existem também muitas lojas de temas profissionais para qualquer tipo de projeto e você pode aproveitar isto para ter um site mais profissional.

Como começar a utilizar WordPress

Para saber como hospedar um site feito em WordPress você deve saber que a primeira coisa requerida é que é necessário compreender que ele se trata de um CMS – Content Management System.

Resumidamente falando, ele se constitui em uma ferramenta para gerenciar conteúdo de modo organizado, mas também flexível, permitindo modificações de forma descomplicada, rápida e bastante satisfatória.

O segundo passo é ler o maior número possível de informações sobre a ferramenta, assistir tutoriais e assim por diante. Isso tirará uma parcela razoável das dúvidas e te permitirá começar a botar a mão na massa.

Você precisa seguir alguns passos necessários, como ter um serviço de hospedagem, domínio do seu projeto e então fazer a instalação do WordPress.

Fique tranquilo, abaixo tratamos mais sobre este assunto.

Escolher um domínio

Escolher o domínio ideal para o seu site ou blog é um desafio e tanto. Isso porque ele é um dos passos mais importantes para garantir o sucesso desse site.

É preciso levar em consideração que o domínio funciona como uma espécie de marca para o site. Ele deve ser único.

Uma boa dica para escolher um excelente nome de domínio é selecionar as palavras-chaves mais importantes dentro do seu nicho de mercado.

Elabore uma pequena lista com 10 das palavras-chaves mais usadas e vá afunilando a escolha até encontrar uma que mereça compor o seu domínio.

Quanto mais marcante e inteligente, melhor.

Após escolher a marca é só procurar uma empresa que faça a venda do serviço e compra-lo, custa em média R$30,00 por ano.

Servidor

Um dos aspectos mais importantes, porém, frequentemente negligenciados são os servidores.

O servidor é crucial para que um site seja bem-sucedido.

Selecionar o melhor serviço de hospedagem para a necessidade do seu negócio pode melhorar de forma significativa o SEO do mesmo e ampliar as oportunidades de vendas e crescimento.

Um servidor de qualidade pode ajudar seu site ser mais rápido, não ficar saindo do ar, entre outros aspectos.

Escolher um servidor

Para escolher o servidor mais adequado para seu site em WordPress é preciso primeiramente saber com mais clareza aquilo o que o seu site precisa.

Preste atenção em qual é o tráfego atual do seu site, o quanto você almeja que ele cresça em um determinado período e qual seria o orçamento disponível para investir no nível de qualidade dessa hospedagem.

É preciso observar também alguns recursos relevantes, como: velocidade, desempenho, suporte, UpTime.

Analise cada um desses aspectos com bastante cautela e compare-os com aqueles que são oferecidos por outras organizações. Dessa forma, você terá ciência de qual é o melhor servidor para o seu site.

Na WibHost, você encontra os preços mais acessíveis e justos do mercado. Clique aqui para ver os preços de hospedagem de sites para WordPress.

cPanel

Para quem desconhece o cPainel, ele nada mais é do que um programa para a gestão de contas para websites.

Vale ressaltar que esse software funciona somente para hospedagens da modalidade Linux, que é a melhor para a instalação do WordPress.

Com o cPainel é possível gerenciar uma série de coisas a respeito do seu site no servidor.

Aliás, muitos servidores atendem seus clientes com cPainel, com o intuito de facilitar qualquer tipo de atividade cotidiana que o usuário esteja precisando.

Gostou das dicas sobre como hospedar um site feito em WordPress? Então compartilha este post com seus amigos nas redes sociais e deixa sua avaliação abaixo!

Leave a Reply